30.9.12

com a cabeça em água


We have an idiomatic expression for when a person is tired, exhausted ... it's something like this: "head in water" (free translation).
Tenemos una expresión idiomática utilizada cuando una persona está cansada, agotada ... es algo como esto: "con la cabeza en el agua" (traducción libre).

29.9.12

another waiting

29.09.12 (m04)

Mais uma espera. | Another waiting.

waiting ... [again]

28.09.12 (m04)

À Espera. Quanto tempo das nossas vidas passamos à espera?! 
Waiting. How much time of our lives we spend waiting?!

28.9.12

waiting

24.09.12 (m04)

À Espera | Waiting

26.9.12

insomnia

23.09.12 (m04)

Este desenho foi feito entre as cinco e as seis da manhã numa noite de insónias [e pintado depois...].
This drawing was made between five and six o'clock in a night of insomnia [and then painted...].

Rapidamente me vem à cabeça um verso desta música:
Murmúrios ou medos | Há quem durma sem jeitos | Em cima de uma cama | A rir, de mim...

Quickly comes to my mind a verse of this song:
Murmurs or fears | Some sleep awkwardly | In a bed | Laughing at me ...
(Thank you Charlie for the help with the translation!)

22.9.12

montes claros

18.09.12 (m04)

Numa passagem pelo jardim dos Montes Claros, no parque florestal de Monsanto, em Lisboa.
This drawing was made in the Montes Claros garden, in Monsanto, Lisbon.

21.9.12

mess of a desk

13.09.12 (m04)

Por estes dias, a minha secretária anda caótica... [os senhores já estavam no caderno e por lá ficaram]
The mess on my desk ... [the two men were already on the sketchbook and were incorporated in this drawing]

20.9.12

sea gift

19.09.12 (m04)

Yesterday i got a pack with a lovely sea gift from Rossi, from Bulgaria.
Inside the outer wrapping i found a yellow box that, gingerly, kept four generous offers: two beautiful necklaces made with shells from the black sea, an adorable drew pebble, and a cool magnet from the city of Rousse. It was a great surprise. Thank you very much Rossi :)

19.9.12

white orchid

13.09.12 (m04)

Orquídea branca. | White orchid.

18.9.12

era um homem do mar


Ilustração para o texto "Era um homem do mar"
publicada no livro de Mário Castrim - "O lugar do televisor III". Lisboa: Editora Além-Mar, Julho 2003


Excerto do texto "Era um homem do mar" (Novembro, 2002)

"Era um homem do mar. Uma data de anos de capitão dos lugres bacalhoeiros nos bancos da Gronelândia. Mais tarde, comandante dos barcos de pesca longínqua. Naufragou no "Júlia IV" em noite de grande tempestade. Fumador inveterado. Tirava cigarro, punha cachimbo, tirava cachimbo, mascava tabaco. Certa ocasião, começou a tossir, de manhã. O catarro incomodava-o. Foi ao médico. Podemos imaginar o diálogo:
- O senhor comandante é casado?
- Sim, senhor doutor.
- E tem filhos?
- Cinco, senhor doutor.
- E gostava de os criar...
- Ó senhor doutor, isso nem é coisa que se pergunte!
- Então só tem que fazer uma coisa: deixar de fumar.      
[...]"

17.9.12

albatrozes | albatrosses


Os albatrozes da história do úlitmo post.
The albatrosses from the story of the previous post.

16.9.12

sonhos sobre Midway


Ilustração para o texto "Sonhos sobre Midway"
publicada no livro de Mário Castrim - "O lugar do televisor III". Lisboa: Editora Além-Mar, Julho 2003


Excerto do texto "Sonhos sobre Midway" (Janeiro, 2000)

"Estou doente. O grande pico da febre já passou, mas fiquei muito deitado abaixo. Não me apetece nada. Não me apetece fazer nada. Nem ler. Não há dúvida: deu-me forte.     
[...]
Abro a televisão. Fico a olhar. Só por olhar. Está naquele canal, deixem estar. Por acaso, tratava-se de um documentário sobre a vida dos albatrozes, na ilha de Midway. Salto na cama ao ouvir este nome. Naquela ilha travou-se um dos maiores combates da Segunda Guerra Mundial, entre americanos e japoneses. Agora, felizmente, não há sinais de guerra. Só vejo albatrozes por todo o lado. A maior colónia de albatrozes do mundo. Milhares, muitos milhares [...]"

15.9.12

bate, bate, coração


Ilustração para o texto "Bate, bate, coração"
publicada no livro de Mário Castrim - "O lugar do televisor III". Lisboa: Editora Além-Mar, Julho 2003


Excerto do texto "Bate, bate, coração" (Abril, 2001)

"O povo chama-lhes vulgarmente "operadores". Fulano? Oh, um grande operador! Mas parece que eles não gostam, acham talvez que a palavra tem conotações com muitas outras actividades. Preferem o título de "cirurgiões". Pelo menos, a um excelente profissional ouvi dizer em resposta a um jornalista: "Não sou operador, sou cirurgião." Pronto, eu cá não me meto nessas guerras. Mas à mesma sumidade ouvi depois também dizer: "Fui eu quem o operou." Não disse "Fui eu quem o cirurgiou." Enfim...     [...]
É curioso o significado que os gregos atribuíam à palavra: trabalho manual, acção praticada com as mãos. Logo, para estarmos de acordo com o étimo, quando tu recortas figuras de cartolina com uma tesoura, estás a fazer uma cirurgia... [...]"

14.9.12

13.9.12

a lobster and a half

02.09.12 (m04)

Só tive hipótese de desenhar uma lagosta e meia antes de as começarem a partir e comer. 
---
I only got the chance to draw a lobster and a half, before they started cracking and eating them.

12.9.12

sewing machine

am, 29.08.12 (m04)

Esta máquina de costura pertencia à minha avó Inês. 
Foi-me emprestada durante uns meses. Antes de a devolver, um desenho.
---
This sewing machine belonged to my grandmother Inês.
I borrowed the machine and i'm going to return it; but before i do it, one drawing.

10.9.12

old days | in plastic bags #1


Estes quatro desenhos fazem parte de um projecto de desenho que fiz há uns anos e que consistia em 65 desenhos fechados em sacos de plástico transparente.
---
This four drawings are part of a drawing project i made some years ago, consisting on 65 drawings closed in transparent plastic bags.

9.9.12

waiting


am, 24.08.12 (ux02)

Este carderno acabou enquanto estava à espera. Fico sempre com uma sensação estranha quando termino um caderno.
---
I finished this sketchbook while I was waiting. Always remains some sort of uncanny feeling when a sketchbook ends.

8.9.12

pipas

aveiro, 19.08.12 (ux02)

Comprámos 'pipas' em Espanha, mas só as acabámos de comer em Aveiro.
We bought 'pipas' in Spain, but we only finish eating 'em in Aveiro.

6.9.12

pepper plant

aveiro, 19.08.12 (ux02)

Um registo rápido do pimenteiro com pimentos.  
A quick sketch of the pepper plant with peppers.

5.9.12

a day at the zoo




04.09.12 (m04)

Alguns dos desenhos feitos no zoo (obrigada J. :) ) - os babuínos, os bisontes-americanos e os búfalos-africanos.
[curiosamente, reparo agora que escolhi para digitalizar os animais cujo nome começa por B...]
---
Here are some sketches made at the zoo - the baboons, the american bisons and the african buffalos.
[curiously, now i realize that i chose to scan the animals with the name starting with the letter B...]